logo-helbor-branco

Notícias

O Mogi das Cruzes/Helbor perdeu para o forte Bauru no Ginásio Panela de Pressão por 90 a 74, na nona rodada do NBB 8. Com o resultado, os mogianos estão com 57,1% de aproveitamento na competição nacional, com quatro vitórias de sete jogos. A próxima partida será contra o Franca, no sábado (12), às 17h30, com transmissão ao vivo pela RedeTV!.

Hoje, os destaques mogianos foram o ala-pivô Tyrone, com 16 pontos, o pivô Lucas Mariano, com 13, e o ala Shamell, com 11 pontos anotados. O armador Larry Taylor, que reencontrou sua ex-torcida, fez 10 assistências no jogo e converteu sete pontos.

“Infelizmente não fizemos uma boa partida. Começamos completamente apáticos, tomamos 32 pontos e para mim o jogo já foi definido aí, no primeiro quarto. Mas mesmo assim a gente teve uma boa recuperação no segundo quarto, abaixando para cinco pontos a diferença. Fomos para o vestiário, falamos sobre melhorar, mas não conseguimos encaixar o jogo. Eles ficaram à vontade e ganharam o período. Nós tivemos algumas dificuldades também, já que o Elinho machucou no começo do jogo, o Filipin tomou uma técnica e uma desqualificante depois. Foram desfalques importantes. No último quarto lutamos, tentamos baixar a diferença, mas não deu. Agora é levantar a cabeça e pensar em Franca”, salienta o técnico Danilo Padovani.

O jogo

O Mogi das Cruzes/Helbor começou mal no jogo e não conseguiu vencer a marcação bauruense. Com isso, o primeiro quarto terminou com grande vantagem para os donos da casa no Panela de Pressão: 32 a 13.

No segundo quarto os mogianos encostaram mais e ficaram a apenas cinco pontos de empatar, no entanto o Bauru ainda assim pontuou nos minutos finais e manteve uma boa diferença no jogo: 47 a 35 (parcial 15 a 22).

O Bauru voltou com tudo para o terceiro quarto, mas o Mogi das Cruzes/Helbor se manteve equilibrado no jogo, no entanto, com a diferença que os bauruenses abriram no primeiro quarto, o Mogi das Cruzes/Helbor não conseguiu superar o placar adversário. Ao final, 71 a 52 (parcial 24 a 17).

O último quarto foi bastante equilibrado novamente, com vantagem parcial para os mogianos (19 a 22), mas isso não foi suficiente para o Mogi das Cruzes/Helbor vencer o jogo, que foi melhor para os donos da casa.

Foto: Caio Casagrande/Bauru Basket