logo-helbor-branco

Notícias

O Mogi das Cruzes/Helbor encerrou os playoffs de quartas de final contra a Liga Sorocabana (LSB) nesta segunda-feira (9), no Ginásio Hugo Ramos, e se classificou para as semifinais do Campeonato Paulista. A série melhor de três terminou em 2 a 0 para os mogianos, com a vitória nesta noite por 88 a 79. Agora, o Mogi das Cruzes/Helbor disputa com o Paulistano quem avança para a final. As datas das semifinais serão decididas em reunião entre a Federação Paulista de Basquete e os clubes nesta quarta-feira (11). Além dos dois semifinalistas, Bauru também já está classificado e aguarda a decisão entre Franca e Osasco para conhecer seu adversário. Diferente das quartas, as semifinais e as finais serão em sistema melhor de cinco jogos.

Larry Taylor mais uma vez foi um dos destaques da partida, com 22 pontos, nove rebotes, oito assistências e de quebra ainda deu um toco. Shamell Stallworth, porém, foi o maior pontuador mogiano em quadra: 24 convertidos e Caio Torres anotou um duplo-duplo de 16 pontos de 10 rebotes. O cestinha do jogo foi o americano da LSB, Dontrell Brite, com 32 pontos.

“Não fizemos uma excelente partida, mas conseguimos sair com a vitória, que era o importante. Por estarmos em casa e termos ganhado o primeiro lá, o inconsciente do time não tratou o jogo como tratamos a primeira partida em Sorocaba. Já era esperado. Mas eles também tiveram méritos. Fizeram 14 bolas de três, estavam mais aguerridos, conseguiram entrar mais no jogo. Mas o importante, no momento, foi a vitória e agora é nos prepararmos para cruzar com o Paulistano, fazer uma excelente série e disputar mais uma final para defender o título”, avaliou o técnico Guerrinha.

Dono da melhor eficiência em quadra (36), o Alienígena, que vem se sobressaindo com atuações brilhantes, falou sobre a dificuldade do jogo desta noite diante da LSB. “Hoje foi um jogo muito difícil para a gente. O time deles veio com ‘fome’, porque sabia que se perdesse hoje estaria fora do campeonato. Então eles não tinham nada para perder. Eles jogaram bem, mas nós jogamos melhor e por isso ganhamos”, comemorou.

Nos placares parciais, 22 a 17 (1º quarto), 21 a 21 (2º), 26 a 14 (3º) e 19 a 27 (4º).

 

Foto: Antonio Penedo/Mogi-Helbor

Mais notícias

  • 1
  • 2
  • 3
  • 4
  • 5
  • 6
  • 7
  • 8
  • 9
  • 10
  • 11
  • 12
  • 13
  • 14
  • 15
  • 16
  • 17
  • 18
  • 19
  • 20
  • 21
  • 22
  • 23
  • 24
  • 25
  • 26
  • 27
  • 28
  • 29
  • 30
  • 31
  • 32
  • 33
  • 34
  • 35
  • 36
  • 37
  • 38
  • 39
  • 40
  • 41
  • 42
  • 43
  • 44
  • 45
  • 46
  • 47
  • 48
  • 49
  • 50
  • 51
  • 52
  • 53
  • 54
  • 55
  • 56
  • 57
  • 58
  • 59
  • 60
  • 61
  • 62
  • 63
  • 64
  • 65
  • 66
  • 67
  • 68
  • 69
  • 70
  • 71
  • 72
  • 73
  • 74
  • 75
  • 76
  • 77
  • 78
  • 79
  • 80
  • 81
  • 82
  • 83
  • 84
  • 85
  • 86
  • 87
  • 88
  • 89
  • 90
  • 91
  • 92
  • 93
  • 94
  • 95
  • 96
  • 97
  • 98
  • 99
  • 100
  • 101
  • 102
  • 103
  • 104
  • 105
  • 106
  • 107
  • 108
  • 109
  • 110
  • 111
  • 112
  • 113
  • 114
  • 115
  • 116
  • 117
  • 118
  • 119
  • 120
  • 121
  • 122
  • 123
  • 124
  • 125
  • 126
  • 127
  • 128
  • 129
  • 130
  • 131
  • 132
  • 133
  • 134
  • 135
  • 136
  • 137
  • 138
  • 139
  • 140
  • 141
  • 142
  • 143
  • 144
  • 145
  • 146
  • 147
  • 148
  • 149
  • 150
  • 151
  • 152
  • 153
  • 154
  • 155
  • 156
  • 157
  • 158
  • 159
  • 160
  • 161
  • 162
  • 163
  • 164
  • 165
  • 166
  • 167
  • 168
  • 169
  • 170
  • 171
  • 172
  • 173
  • 174
  • 175
  • 176
  • 177
  • 178
  • 179
  • 180
  • 181
  • 182
  • 183
  • 184
  • 185
  • 186
  • 187
  • 188
  • 189
  • 190
  • 191
  • 192
  • 193