logo-helbor-branco

Notícias

Mogi das Cruzes/Helbor retoma trabalho para jogos 2 e 3 contra Vitória

Vencendo a série por 1 a 0, o Mogi das Cruzes/Helbor voltou aos treinos nesta segunda-feira no Ginásio Hugo Ramos para se preparar para os dois próximos jogos do playoff contra o Vitória pelo NBB Caixa (Novo Basquete Brasil). As partidas serão no Hugão na quinta (27), às 20h, e no sábado, às 14h.

O trabalho começou com a exibição do vídeo editado pela comissão técnica do jogo 1. O técnico Guerrinha mostrou para os jogadores o que a equipe precisa melhorar para os próximos duelos. “Nosso revezamento foi muito fraco, os jogadores que saíram do banco, parte de ataque, de defesa. Então, tudo isso nós já corrigimos na reunião da nossa de edição, mostrando as estatísticas. Agora vamos treinar para este jogo de quinta-feira para melhorar, porque é uma constante o desenvolvimento do time e do jogador”, explica o treinador.

A vitória sobre os baianos no sábado por 89 a 83 contou com o ala Shamell Stallworth inspirado. Ele foi o cestinha do jogo com 34 pontos e de quebra ultrapassou a marca dos 6.000 pontos na história do NBB. O norte-americano é o único jogador a alcançar esse número na competição. “Nessa vida de jogador de basquete, você fica querendo fazer recordes. Para mim, chegar aos 6.000 foi legal, mas o mais importante foi a vitória. Quando eu fiz 5.000, a gente perdeu o jogo. Mas por esse recorde, ser o primeiro a chegar a 6.000, mas um ano meu vestindo a camisa do Mogi, o que dá mais valor ainda. Eu acho legal, vou tentar fazer mais pontos e chegar aos 7.000”, ressalta Shamell.

INGRESSOS

Os ingressos para os jogos 2 e 3, na quinta (27), às 20h, e sábado (29), as 14h, estão sendo vendidos na loja do clube no ComVem Patteo Mogilar, das 10h às 20h e também pelo site totalplayer.com.br/mogi. O valor do bilhete para cada jogo será de R$ 20 para arquibancada; R$ 40 para tribuna; R$ 60 para cadeira quadra (atrás das tabelas); e R$ 100 para o camarote. Todos os valores com direito à meia entrada para estudantes, professores, idosos, funcionários das empresas patrocinadoras e da Prefeitura de Mogi das Cruzes. Na loja, apenas pagamento em dinheiro. 

Foto: Antonio Penedo/Mogi-Helbor

Sub-22 do Mogi das Cruzes/Helbor vence América pelo Paulista

Os meninos do Sub-22 do Mogi das Cruzes/Helbor venceram o América, de São José do Rio Preto, por 90 a 69 no sábado (22), no Ginásio Hugo Ramos. Essa foi a segunda vitória da equipe em três jogos disputados pelo Campeonato Paulista.

Os destaques da partida foram o ala-pivô José Carlos, cestinha com 27 pontos, oito rebotes e quatro assistências, e o pivô José Mauro, com um duplo-duplo, 15 pontos e 17 rebotes. Também tiveram bom desempenho os alas Igor Nascimento, que anoutou 16 pontos, e Guilherme Lessa, com 14. Pelo América, o destaque foi Gabriel Rodrigues, que fechou o jogo com 19 pontos e 12 rebotes.

“Fizemos um bom início de jogo, com uma defesa bem forte, bastante contra-ataque e abrimos uma boa diferença no jogo no primeiro período. Isso fez a diferença no jogo. Um segundo período equilibrado, com uma pontuação melhor deles, melhor aproveitamento. O problema foi o terceiro período, com uma diferença de 15 pontos para eles. Tomar 30 pontos em um quarto é muito para qualquer equipe. A briga foi no terceiro período. O quarto já inverteu e foi bom para nós, que abrimos quase 30. Tirando o terceiro período foi um jogo muito bom”, adverte o técnico Alexandre Rios, que comandou a equipe na partida.

O próximo jogo do Mogi das Cruzes/Helbor na competição será contra o Pinheiros nesta sexta (28), às 20h, em São Paulo.

Foto: Antonio Penedo/Mogi-Helbor

Com Shamell em noite histórica, Mogi das Cruzes/Helbor abre 1 a 0 sobre Vitória nas quartas

O Mogi das Cruzes/Helbor saiu na frente na série quartas de final contra o Vitória e abriu 1 a 0 com a partida desta noite (22), em Salvador, com a vitória por 83 a 89. Cestinha do jogo, com 34 pontos anotados, o ala Shamell Stallworth foi o grande destaque não só por sua atuação em quadra, mas porque ultrapassou a marca histórica de 6000 pontos na história do NBB (Novo Basquete Brasil). Com os pontos de hoje, o americano é o único a somar 6008 na competição. Além dele, o armador Larry Taylor e ala-pivô Tyrone Curnell converteram mais de dois dígitos: 22 e 19 pontos, respectivamente. Agora o time volta para Mogi das Cruzes porque os dois jogos seguintes serão no Ginásio Hugo Ramos: na quinta (27), às 20h, e sábado (29), às 14h – veja venda de ingressos abaixo. Se ganhar os dois, os mogianos avançam para as semifinais. Senão, o Vitória força o quarto jogo novamente em Salvador no dia 2 de maio. Se necessária, a quinta partida será no dia 5 ou 6 de maio.

“Foi um jogo de playoffs. Viemos aqui para ganhar e conseguimos uma vitória excelente. Agora temos condição de fechar em casa. Depois de três semanas sem jogar, sentimos um pouco, mas agora com esse jogo o Caio ganhou mais tempo de quadra, assim como outros também. Vamos para o segundo jogo em casa contando com a nossa torcida e sabendo que precisamos de mais duas vitórias. É manter o foco”, avaliou o técnico Guerrinha.

Assim como o treinador, o camisa 24 do Mogi das Cruzes/Helbor, Shamell Stallworth também salientou que o apoio da torcida será fundamental para tentar buscar a classificação para as semi. “O mais importante é que saímos com uma vitória, mas não fizemos nada. Só abrimos 1 a 0 no placar. Agora vamos descansar e voltar para casa. Tenho certeza que quinta-feira teremos uma guerra boa. A gente tem os melhores torcedores do NBB, com cerca de três mil pessoas por jogo. A gente joga bem dentro de casa, mas também fora. As duas equipes estão de parabéns hoje. Mas nada acabou. Agora quero lotar o meu ginásio!”

O Mogi das Cruzes/Helbor começou sobrando no jogo, mas no intervalo  já estava tudo empatado em 33 a 33, com parciais de 12 a 17 no primeiro quarto e 21 a 16 no segundo período. O terceiro quarto, porém, foi de bastante alternância, com baianos e mogianos se revezando na vantagem. Ao final do período, 22 a 26. No último período o Mogi das Cruzes/Helbor se manteve à frente no marcador, anotando 28 a 30.

Ingressos

Os ingressos para essas partidas estão sendo vendidos na loja do clube no ComVem Patteo Mogilar, das 10h às 20h (exceto neste domingo), e também pelo site totalplayer.com.br/mogi. O valor do bilhete para cada jogo será de R$ 20 para arquibancada; R$ 40 para tribuna; R$ 60 para cadeira quadra (atrás das tabelas); e R$ 100 para o camarote. Todos os valores com direito à meia entrada para estudantes, professores, idosos, funcionários das empresas patrocinadoras e da Prefeitura de Mogi das Cruzes. Criança até seis anos não paga.

Foto: Raul Spina

Mogi das Cruzes/Helbor abre quartas de final contra Vitória neste sábado em Salvador

Depois de 21 dias sem jogar, o Mogi das Cruzes/Helbor volta à quadra contra o Vitória neste sábado (22), às 19h, em Salvador. Será a primeira partida da série playoffs quartas de final entre as duas equipes pelo NBB Caixa (Novo Basquete Brasil). Na temporada passada, os dois times se encontraram nas oitavas, com vitória dos mogianos por 3 a 0. Na atual edição, foram dois confrontos pela fase regular, também com triunfos do Mogi das Cruzes/Helbor.

A equipe do técnico Guerrinha, segunda colocada na fase de classificação, garantiu vaga direta para as quartas. Enquanto o Vitória, dirigido pelo mogiano Régis Marrelli, foi o sétimo na competição e derrotou o Campo Mourão nas oitavas por 3 a 2. O grupo chegou a Salvador nesta sexta pela manhã e ainda fará um treino no início desta noite em Cajazeiras, local da partida.

“O primeiro e o último jogos da série são sempre os mais complicados, porque eles vêm com desgaste, mas com ritmo de decisão. A gente vem com uma reserva boa, bem treinado e descansado, mas sem o ritmo. Pela experiência da equipe, a gente encontra no primeiro ou segundo quarto alguma dificuldade, mas é preciso saber administrar isso porque está jogando na casa do adversário e tem que entrar no ritmo do jogo. Vai ser isso o tempo todo. Você vai estar em vantagem e desvantagem. Mesmo ganhando ou perdendo uma série a equipe não pode perder o foco”, destaca Guerrinha.

JOGOS 2 e 3

Após jogar em Salvador, as duas equipes voltam a se enfrentar na quinta-feira (27), às 20h, e no sábado (29), às 14h, em Mogi das Cruzes. Os ingressos para essas partidas estão sendo vendidos na loja do clube no ComVem Patteo Mogilar, das 10h às 20h (exceto neste feriado e no domingo), e também pelo site totalplayer.com.br/mogi. O valor do bilhete para cada jogo será de R$ 20 para arquibancada; R$ 40 para tribuna; R$ 60 para cadeira quadra (atrás das tabelas); e R$ 100 para o camarote. Todos os valores com direito à meia entrada para estudantes, professores, idosos, funcionários das empresas patrocinadoras e da Prefeitura de Mogi das Cruzes. Na loja, apenas pagamento em dinheiro.

Foto: Antonio Penedo/Mogi-Helbor

Mogi das Cruzes/Helbor embarca para Salvador nesta sexta para começar playoff

O Mogi das Cruzes/Helbor fez o último treino no Ginásio Hugo Ramos nesta quinta (20) antes de embarcar para Salvador, onde enfrenta o Vitória pelas quartas de final do NBB Caixa. O grupo viaja para a Bahia na manhã desta sexta (21) e deve realizar mais um treino no início da noite no ginásio de Cajazeiras. A estreia dos mogianos no playoff será no sábado (22), às 19h, com transmissão ao vivo pelo Facebook da Liga Nacional de Basquete.

Com quase três semanas sem jogar, os jogadores não veem a hora de entrar em quadra para começar a série contra o Vitória. A última partida da equipe foi na fase de classificação contra o Franca, no dia 1º deste mês. “Chega nesta fase do campeonato, a gente quer jogar, não aguenta ficar muito tempo treinando. Por outro lado foi bom para acertar vários detalhes que a gente estava pecando e treinamentos fortes como foram essas semanas vão surtir efeito para fazermos bons jogos nos playoffs. O time está muito ansioso. Jogador quer jogar. Treinar é sacrifício. Vem para o jogo com alegria, com amor. A ansiedade está grande, temos de controlar porque o primeiro jogo é fora de casa e precisamos saber jogar lá para fazer uma boa partida. O primeiro jogo vai ser essencial para a série, vai mandar muita coisa. Então, precisamos estar muito focados. A ansiedade vai contar no começo do jogo, vamos ter erros, mas com o tempo a gente vai aquecendo e vai dar tudo certo”, ressalta o ala Fabricio Russo.

O Mogi das Cruzes/Helbor venceu os dois confrontos contra o Vitória na fase classificatória. Foram dois jogos bem disputados e com placares apertados: 75 a 72 no Hugão e 60 a 63 na Bahia. “Já jogamos duas vezes. É um time muito bom, que tem jogadores de nomes fortes. Sabemos que lá não é nada fácil e é playoff. Este ano quase não teve jogo fácil e ainda mais agora nos playoffs serão jogos ainda mais difíceis. Então, a cabeça tem que estar 1000% e concentrada para entrar no jogo. Vamos dar o máximo para sair com a vitória”, destaca o pivô Caio Torres, que ficou fora dos últimos treinos por conta de dores lombares, mas está confirmado para o jogo.

O ala Jimmy Dreher, que não participou do treino por conta de uma inflamação na garganta, e o pivô Gerson do Espírito Santo, que fez tratamento no ombro direito nesta quinta, também estarão à disposição do técnico Guerrinha para a partida no sábado.

JOGOS 2 e 3

Os jogos 2 e 3 serão no Hugão na quinta-feira (27), às 20h, e no sábado (29), às 14h. Os ingressos para essas partidas estão sendo vendidos na loja do clube no ComVem Patteo Mogilar, das 10h às 20h (exceto no feriado e no domingo), e também no site totalplayer.com.br/mogi. O valor do bilhete para cada jogo será de R$ 20 para arquibancada; R$ 40 para tribuna; R$ 60 para cadeira quadra (atrás das tabelas); e R$ 100 para o camarote. Todos os valores com direito à meia entrada para estudantes, professores, idosos, funcionários das empresas patrocinadoras e da Prefeitura de Mogi das Cruzes. Na loja, apenas pagamento em dinheiro. 

Foto: Antonio Penedo/Mogi-Helbor

Às véspera de playoff, Guerrinha quer mais intensidade da equipe nos coletivos

Quando entrar em quadra no sábado (22), às 19h, contra o Vitória, em Salvador, o Mogi das Cruzes/Helbor completará exatas três semanas que jogou a sua última partida. Desde o jogo contra Franca, no dia 1º, os mogianos estão se preparando para a estreia nas quartas de final, já que a segunda colocação na fase regular do NBB Caixa garantiu a vaga neste playoff.

Os trabalhos foram sendo dosados pela comissão técnica em períodos, tanto de intensidade como de recuperação para alguns atletas. Nesta semana, a última de treinamentos antes da estreia nas quartas, o técnico Guerrinha está cobrando mais intensidade dos jogadores nos coletivos que tem feito no Ginásio Hugo Ramos. Para isso, avalia os tempos de treino corrido e cronometrado.

“É preciso que a equipe tenha ritmo de jogo e variações. Mesmo que seja um adversário só, não tenha tantas mudanças radicais, mas de um jogo para o outro as equipes vão se ajustando. Então, é preciso preparar mais situações para o próprio adversário. Fizemos um bloco de 12 minutos cronometrados, com 10 minutos corridos, dando 80% de intensidade. Isso quer dizer que o jogo não parou. Aceleramos mais o lance livre, o lateral e não ficamos parando o jogo para corrigir. No primeiro bloco, deram 12 minutos cronometrados de 22 corridos, com 57% de intensidade. Quer dizer que a gente parou muito, corrigiu e depois fomos deixando para os jogadores corrigirem dentro da quadra, na própria situação de jogo e eles têm que fazer essa leitura e conversar. Lógico que a gente dá um toque ou outro, mas as respostas têm de vir de dentro. Além disso, treinamos essa parte de intensidade. Bater o fundo bola mais rápido, voltar mais rápido. Isso tudo para ter mais atenção, habilidade, porque quando sobe a velocidade o ataque aumenta o número de erros e a defesa fica mais vulnerável. É um trabalho tático, técnico, físico e, principalmente, de resistência mental”, ressalta o treinador.

PLAYOFF

O primeiro jogo do palyoff será neste sábado (22), às 19h, com transmissão ao vivo pelo Facebook da Liga Nacional de Basquete. Os dois seguintes em Mogi das Cruzes, na quinta (27), às 20h, e no sábado (29), às 14h, com transmissão pela web e pela Band, respectivamente. Se necessários, o jogo 4 será no dia 2 de maio, em Salvador, e o jogo 5 no dia 5 ou 6, no Hugão.

INGRESSOS

Os ingressos para os jogos 2 e 3 em Mogi das Cruzes estão sendo vendidos na loja do clube no ComVem Patteo Mogilar, das 10h às 20h (exceto no feriado e no domingo), e também no site totalplayer.com.br/mogi. O valor do bilhete para cada jogo será de R$ 20 para arquibancada; R$ 40 para tribuna; R$ 60 para cadeira quadra (atrás das tabelas); e R$ 100 para o camarote. Todos os valores com direito à meia entrada para estudantes, professores, idosos, funcionários das empresas patrocinadoras e da Prefeitura de Mogi das Cruzes. Na loja, apenas pagamento em dinheiro.

Foto: Antonio Penedo/Mogi-Helbor 

Mogi das Cruzes/Helbor enfrentará Vitória nas quartas de final do NBB

O Vitória venceu o Campo Mourão por 73 a 60 nesta noite em Salvador e será o adversário do Mogi das Cruzes/Helbor nas quartas de final do NBB Caixa (Novo Basquete Brasil). Com o triunfo, os baianos fecharam a série das oitavas em 3 a 2 e avançaram na competição. O primeiro confronto do playoff será no próximo sábado (22), às 19h, em Salvador, com transmissão ao vivo pelo Facebook da Liga Nacional de Basquete. Os dois seguintes em Mogi das Cruzes, na quinta (27), às 19h, e no sábado (29), às 14h. Se necessários, o jogo 4 será no dia 2 de maio, em Salvador, e o jogo 5 no dia 5 ou 6, no Ginásio Hugo Ramos.

Mogi das Cruzes/Helbor e Vitória se enfrentaram duas vezes na fase classificatória. Os jogos foram bem disputados e com placares apertados, mas os mogianos levaram a melhor nos dois confrontos: 75 a 72 no Hugão e 60 a 63 na Bahia. Por isso, o técnico Guerrinha espera uma série bem dura. “As duas equipes precisam se preparar para cinco jogos. Independente se começar bem ou mal, porque são times que correm atrás do resultado, que jogam muito na defesa, no vigor físico e, principalmente, nas características dos americanos”, destaca.

O treinador acredita que para passar para a semifinal o grupo precisa levar tudo de bom que fez nesta temporada. “A nossa equipe leva a vantagem, não por fazer o quinto jogo em casa, porque precisa conquistar durante a série, mas a gente tem que levar para a série a temporada que fizemos. Com um Paulista forte, chegando ao título, com a Liga Sul-Americana, na qual a gente teve muitas dificuldades e conquistou o título. Então, vai ser muito importante neste playoff, no nível que será disputado, levar tudo que você tem de bom para os jogos, porque intensidade, as situações adversas ou a favor, é preciso saber trabalhar muito bem isso e, principalmente, ter a resistência mental.”

INGRESSOS

Os ingressos para os jogos 2 e 3 dos playoffs de quartas de final no Hugão, na quinta (27), às 19h, e no sábado (29), às 14h, serão vendidos a partir desta quarta-feira na loja do clube no ComVem Patteo Mogilar, das 10h às 20h (exceto no feriado e no domingo), e também no site totalplayer.com.br/mogi. O valor do bilhete para cada jogo será de R$ 20, com direito à meia entrada para estudantes, professores, idosos, funcionários das empresas patrocinadoras e da Prefeitura de Mogi das Cruzes. Na loja, apenas pagamento em dinheiro.

Foto: Antonio Penedo/Mogi-Helbor

Vacine Já imuniza atletas e comissão técnica contra gripe H1N1

http://maringa.odiario.com/esportes/2017/04/clinica-vacine-ja-do-comvem-patteo-mogilar-oferece-vacina-contra-gripe-h1n1-para-jogadores-do-mogi-das-cruzeshelbor/2356285/http://maringa.odiario.com/esportes/2017/04/clinica-vacine-ja-do-comvem-patteo-mogilar-oferece-vacina-contra-gripe-h1n1-para-jogadores-do-mogi-das-cruzeshelbor/2356285/http://maringa.odiario.com/esportes/2017/04/clinica-vacine-ja-do-comvem-patteo-mogilar-oferece-vacina-contra-gripe-h1n1-para-jogadores-do-mogi-das-cruzeshelbor/2356285/http://maringa.odiario.com/esportes/2017/04/clinica-vacine-ja-do-comvem-patteo-mogilar-oferece-vacina-contra-gripe-h1n1-para-jogadores-do-mogi-das-cruzeshelbor/2356285/Os atletas e a comissão técnica do Mogi das Cruzes/Helbor aderiram à Campanha Nacional de Vacinação e se imunizaram contra a gripe H1N1 nesta terça-feira (18). O grupo foi à clínica VacineJá, no ComVem Patteo Mogilar, para receber a dose preventiva contra o vírus. O intuito é proteger os atletas de possíveis imprevistos de saúde na fase dos playoffs do NBB Caixa (Novo Basquete Brasil), que deve começar para a equipe mogiana neste sábado fora de casa.

O técnico Guerrinha salientou a importância de prever situações que podem trazer problemas e também de servir como exemplo para a população que deve se imunizar. “Sem dúvida a vacinação é fundamental. Você pode perder um jogo por uma gripe ou um outro tipo de situação e, principalmente, para a população ver que mesmo os jogadores, com todo o trabalho de resistência e preparação física, estão sujeitos a esses imprevistos. É mostrar que todos nós somos seres humanos e a prevenção é a grande mensagem da saúde pública. Precisamos antever as coisas e não correr depois que acontecer.”

A campanha contra a gripe foi iniciada oficialmente nessa segunda-feira (17) e segue até 26 de maio em todo o país. O objetivo principal da campanha é reduzir as hospitalizações e a ocorrência de mortes relacionadas à influenza. Segundo o Ministério da Saúde, a vacinação pode diminuir entre 32% a 45% o número de internações por pneumonia e de 39% a 75% a mortalidade por complicações da gripe.

Quem não faz parte do grupo prioritário (que pode ser atendido gratuitamente nos postos de saúde) mas quer se vacinar também pode. A clínica Vacine Já é uma clínica especializada em imunização e alerta que quanto antes for feita a vacinação, melhor. Na época mais fria do ano, as complicações por causa da gripe aumentam e o ideal é estar sempre protegido. A unidade fica na torre 3, no ComVem Patteo Mogilar, na rua Manuel de Oliveira, 269, no Mogilar, em Mogi das Cruzes. Para mais informações, o telefone da clínica é (11) 4790-3111.

Foto: Antonio Penedo/Mogi-Helbor

Na reta final, Mogi das Cruzes/Helbor retoma preparação para os playoffs

O adversário do Mogi das Cruzes/Helbor nas quartas de final do NBB Caixa (Novo Basquete Brasil) será definido nesta terça-feira (18), às 21h30, em Salvador. Enquanto Vitória e Campo Mourão entram no quinto jogo das oitavas de final para decidir a série, o time mogiano retomou a preparação para estrear nos playoffs nesta manhã no Ginásio Hugo Ramos. O primeiro jogo das quartas já deve ser no próximo sábado (22) fora de casa, mas as datas ainda não foram divulgadas oficialmente pela Liga Nacional de Basquete.

O técnico Guerrinha tem aproveitado bem este período para reforçar os conceitos de defesa e ataque, além de colocar algumas propostas novas para a equipe. Outra coisa muito trabalhada nos treinos são situações de jogo, mesmo sem saber qual será o adversário nas quartas. “Independente disso, nós estamos preparando a nossa equipe para disputar até o último jogo da final, com todos os conceitos de defesa e de ataque, principalmente a parte física e dando o treino característico de jogo, que é o que está faltando para a gente agora. Os jogadores estão respondendo muito bem, todos muito focados. Independente do adversário, a gente quer seguir adiante nos playoffs, fazer bons jogos e estar preparados para em todas as séries fazer o quinto jogo”, adverte Guerrinha.

Os jogadores também sabem da importância dos treinos puxados para iniciar bem os playoffs. “Como são 20 dias sem jogos, a gente puxou bastante na semana passada, com treinos mais corridos e hoje também. Agora já começa a focar mais, com mais detalhe de defesa, que será o nosso forte para as quartas de final. A gente manteve o foco o campeonato inteiro e agora é acertar mais ainda para tentar arrancar este primeiro jogo fora e vir decidir no terceiro jogo aqui. Eles estão fazendo uma série super disputada. O Vitória abriu dois a zero e o Campo Mourão buscou. Eles estão mostrando que os dois times estão no mesmo nível, mas a gente tem que pensar mais na gente do que neles”, destaca o armador Elinho Corazza.

Foto: Antonio Penedo/Mogi-Helbor

Mogi das Cruzes/Helbor fecha semana de treinos com simulação de jogo

A semana foi de muito trabalho no Ginásio Hugo Ramos. Durante o período, o técnico Guerrinha reforçou alguns conceitos de jogo, corrigiu falhas, apresentou jogadas novas, passou vídeos dos possíveis adversários nas quartas de final e encerrou com uma simulação de jogo. Os atletas formaram dois times e jogaram quatro tempos de 10 minutos cada em ritmo intenso.

Como parte do treinamento, a disputa não teve juiz e nem muita interferência da comissão técnica, que só interveio em casos de dúvidas. “Fizemos quatro quartos de situação de jogo. Sem muito intervalo, sem parar. Então, isso dá uma condição física anaeróbia muito grande para o time. Principalmente, deixando-os resolverem dentro da quadra, pedindo tempo na hora que precisavam. Demos os conceitos que estamos treinando, como deve defender cada situação, mas a cobrança deveria ser mais deles dentro de quadra do que da gente de fora. Tanto é que a arbitragem ficou por conta deles também. A gente só participava quando tinha alguma dúvida. Isso é para dar esse comando para eles dentro da quadra, porque é muito importante na hora do jogo o jogador saber resolver e não ficar dependendo do técnico”, explica o treinador.

O confronto foi intenso em quadra e teve aprovação dos jogadores, que gostaram do ‘rachão’ para começar a entrar em ritmo de playoffs. “Estamos 25 dias sem jogar e você ficar só treinando meia quadra perde muito a parte física no quadra a quadra. Esta semana o Guerrinha colocou muito volume de jogo para o time soltar. E isso é importante. Além de ganhar no jogo coletivo, você acaba ganhando pulmão para aguentar os playoffs”, destaca o ala e capitão Guilherme Filipin.

ADVERSÁRIO

A equipe só deve estrear nas quartas de final na próxima semana contra o vencedor do duelo entre Vitória e Campo Mourão. A série está 2 a 1 para os baianos. As duas equipes se enfrentam novamente neste domingo (16), às 11h, na Paraná. Em caso de triunfo do Campo Mourão, haverá o quinto jogo em Salvador na terça (18), às 21h30, em Salvador.  

Foto: Antonio Penedo/Mogi-Helbor

Com placar centenário, Sub-22 vence Esperia em São Paulo pelo Paulista

O Mogi das Cruzes/Helbor venceu a primeira partida no Campeonato Paulista Sub-22. A equipe comandada pelo técnico Danilo Padovani derrotou o Esperia por 102 a 65 nesta noite em São Paulo. Os destaques da partida foram os alas igor Nascimento, cestinha da partida com 27 pontos, Guilherme Lessa, com 22, e o ala-pivô Felipe Franklin, com 17.

Apesar da vitória, o treinador ainda espera uma evolução maior da equipe defensiva e taticamente na competição. “Não saí satisfeito pela quantidade de pontos que a gente levou. Eles, teoricamente, não são uma equipe forte, mas têm alguns jogadores bons. Dois jogadores deles fizeram mais de 15 pontos. Não saio satisfeito por tomar 65, mas fico contente por ter feito 102. Alguns jogadores tiveram um bom aproveitamento, mas a gente ainda tem muito para corrigir nas partes defensiva e tática. O mais importante foi a vitória fora de casa e agora pensar para a próxima partida”, adverte Padovani.

O armador Vithor Lersch não participou da partida a pedido do técnico da equipe principal, Guerrinha. Vithinho deve ficar fora do Paulista Sub-22 até o final dos playoffs do NBB Caixa (Novo Basquete Brasil). O próximo jogo do Sub-22 será no dia 22, às 15h, no Ginásio Hugo Ramos, contra o América, de São José do Rio Preto. A entrada será livre.

Foto: Wagner Lorijola

Recuperado de lesão, Caio Torres está de volta aos treinos coletivos

A terça-feira começou com uma boa notícia para o Mogi das Cruzes/Helbor: a volta do pivô Caio Torres à quadra. O atleta, que se recuperou de uma pequena lesão no joelho esquerdo, participou nesta manhã pela primeira vez do coletivo após ficar fora dos treinamentos por três semanas. O camisa 13 já havia retomado os treinos físicos com o preparador físico Eric Ruiz, no último sábado, mas ainda não tinha participado de uma atividade cinco contra cinco.

“É bom demais poder estar com o grupo novamente, treinar junto. Eu já estava treinando há uns quatro dias bem devagar fora do grupo. Estou feliz, me sentindo muito bem. O joelho está bom, a perna está forte e agora é me preparar mais para fazer um ótimo playoff e ajudar o time a chegar no nosso objetivo”, destaca Caio Torres.

O retorno do atleta está dentro do prazo estipulado de recuperação feito pelo médico do clube, Marcus Vinícius Porcelli, logo depois que ele sentiu a lesão. “O departamento médico sugeriu que ele ficasse parado por três semanas para depois reavaliá-lo com uma outra ressonância magnética. O médico constatou que a evolução da lesão dele foi boa e o liberou para fazer esse trabalho de quadra. No sábado, 22º dia, ele retornou com um trabalho específico de quadra, com movimentação, de 50 minutos, e não se queixou de dor. Na segunda, ele ainda fez fora da equipe e hoje a gente inseriu ele junto do trabalho inicial da equipe. Agora, a gente vai dar continuidade para esse trabalho. Amanhã, ele já participar mais e gradativamente dentro da semana evoluiu para ele conseguir treinar todo o treino com a equipe. Nossa expectativa é que para o próximo jogo das quartas, contra Vitória ou Campo Mourão, ele participe normalmente da partida”, ressalta o preparador físico Eric Ruiz.

FILIPIN

Outra notícia boa do dia foi a recuperação do ala Guilherme Filipin, que treinou normalmente nesta terça. Ele havia sentido uma contratura muscular na panturrilha esquerda na última sexta e passou por um trabalho de fisioterapia durante o final de semana.

Foto: Antonio Penedo/Mogi-Helbor

Mais notícias

  • 1
  • 2
  • 3
  • 4
  • 5
  • 6
  • 7
  • 8
  • 9
  • 10
  • 11
  • 12
  • 13
  • 14
  • 15
  • 16
  • 17
  • 18
  • 19
  • 20
  • 21
  • 22
  • 23
  • 24
  • 25
  • 26
  • 27
  • 28
  • 29
  • 30
  • 31
  • 32
  • 33
  • 34
  • 35
  • 36
  • 37
  • 38
  • 39
  • 40
  • 41
  • 42
  • 43
  • 44
  • 45
  • 46
  • 47
  • 48
  • 49
  • 50
  • 51
  • 52
  • 53
  • 54
  • 55
  • 56
  • 57
  • 58
  • 59
  • 60
  • 61
  • 62
  • 63
  • 64
  • 65
  • 66
  • 67
  • 68
  • 69
  • 70
  • 71
  • 72
  • 73
  • 74
  • 75
  • 76
  • 77
  • 78
  • 79
  • 80
  • 81
  • 82
  • 83
  • 84
  • 85
  • 86
  • 87
  • 88
  • 89
  • 90
  • 91
  • 92
  • 93
  • 94
  • 95
  • 96
  • 97
  • 98
  • 99
  • 100
  • 101
  • 102
  • 103
  • 104
  • 105
  • 106
  • 107
  • 108
  • 109
  • 110
  • 111
  • 112
  • 113
  • 114
  • 115
  • 116
  • 117
  • 118
  • 119
  • 120
  • 121
  • 122
  • 123
  • 124
  • 125
  • 126
  • 127
  • 128
  • 129
  • 130
  • 131
  • 132
  • icon Resultados
  • Próximas partidas